Apple desbloqueia finalmente todo o potencial do iPad Pro

Carlos Oliveira
Comentar

O iPad Pro é um produto fantástico, ainda mais com o novo modelo com processador M1 e uns impressionantes 16GB de RAM. Todavia, como muitos programadores já deram a conhecer, a Apple limita a quantidade de RAM que cada aplicação pode utilizar.

Essa limitação desaparece com a segunda versão beta do iOS 15 e iPadOS 15, o que significa que o iPhone também beneficiará desta novidade. Isto significa que as aplicações passam a poder requisitar o uso de mais memória RAM do equipamento.

Aplicações já podem exceder o limite imposto de 5GB por app

Importa contextualizar aquilo que realmente mudará com o lançamento do iPadOS e iOS 15. Usando como exemplo o novo iPad Pro, com processador M1, qualquer aplicação não pode usar mais do que 5GB de RAM, mesmo que o utilizador possua a versão com 16GB.

iPad Pro

Com a nova beta do iPadOS 15, as aplicações terão direito a requisitar o uso de mais memória RAM. Contudo, esta novidade está dependente dos criadores das aplicações, pois estes terão de colocar o código necessário para que a sua app faça esse pedido ao sistema operativo.

Se os programadores assim o entenderem, as suas aplicações poderão informar o iOS ou iPadOS de que necessitam de mais memória RAM para funcionar corretamente. Ainda assim, a Apple sensibiliza os programadores para um uso responsável desta possibilidade.

Ficamos, no entanto, sem saber qual será o novo limite imposto pela Apple. Dificilmente a empresa americana permitirá que uma aplicação recorra à totalidade da RAM dos seus produtos e isso fica explícito quando ela apela a um uso responsável.

Será sempre reservada alguma RAM para o bom funcionamento e fluidez que caracterizam os sistemas operativos da Apple. Tal nunca seria alcançado caso uma determinada app açambarcasse toda a memória RAM do equipamento para si.

As diferenças só serão notados pelo utilizador comum quando a Apple disponibilizar a versão final do iOS 15 e iPadOS 15. Isso só acontecerá no outono, depois da apresentação dos iPhone 13.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.