Apple assume liderança do maior mercado do mundo pela primeira vez em 6 anos

Carlos Oliveira
Comentar

O último relatório de análise de mercado da Countepoint Reasearch dá conta de um crescimento impressionante da Apple na China. A empresa norte-americana é agora aquela que mais vende no maior mercado tecnológico do mundo.

O pico de vendas que a Apple obteve desde o lançamento da linha iPhone 13 permitiu-lhe assumir a liderança deste mercado no mês de outubro. Destronou assim a Vivo, marca que liderava o mercado chinês nos últimos meses.

Apple não era número um na China desde dezembro de 2015

Os dados da Counterpoint Research dão conta do desempenho do mercado mobile na China durante o passado mês de outubro. Nesse período, a Apple arrecadou uma posição que não detinha desde dezembro de 2015.

Com efeito, a tecnológica americana detém agora 22% do mercado chinês de smartphones. Isto representa um crescimento de 46%, num período em que o mercado, como um todo, cresceu apenas 2%.

Em segundo lugar está agora a Vivo com uma quota de 20%, seguida pela Oppo com 18%. Isto mostra a volatilidade deste mercado e que a liderança da Apple na China não é confortável.

Em sentido oposto temos a Huawei que detém agora apenas 8% do seu mercado caseiro. Aquela que foi outrora líder incontestável deste mercado, está agora a sofrer uma queda abrupta pela impossibilidade de lançar novos equipamentos com suporte para as redes 5G.

Com o declínio acentuado da Huawei, outras marcas ganham terreno neste feroz mercado. Segundo as conclusões da agência Counterpoint Research, foi precisamente a ausência da tecnológica chinesa no segmento preimium que permitiu à Apple registar este crescimento e assumir a liderança daquele mercado.

Além disso, os iPhone 13 chegaram à China com um preço de venda inferior ao praticado na série iPhone 12. Isso também motivou muitos utilizadores a optar pela nova geração de topos de gama da Apple.

Resta agora saber como se irá portar a Apple naquele mercado durante a época natalícia. Será que a americana conseguirá manter o ímpeto e assumir a liderança de um mercado onde sempre tive alguma dificuldade em se afirmar?

Editores 4gnews recomendam:

  • Apple mantém domínio do mercado de smartwatches
  • Apple: dispositivo de Realidade Aumentada será tão poderoso como um MacBook
  • Apple iPhone SE Plus a caminho para competir com smartphones acessíveis da Xiaomi?
Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.