Apple Tim Cook
Crédito: wired
Tim Cook, CEO da Apple

Os Apple iPhone 7 e iPhone 7 Plus pouco ou nada mudaram a nível de design face aos seus antecessores. Temos novas cores, algumas mais caras sem razão aparente para tal e é basicamente isso. Além disso, já ninguém compra iPads como outra. Então, como é que a Apple se mantém no topo das empresas mais admiradas pelo 10º ano consecutivo?

Não falemos dos novos MacBook’s e esperemos para ver como serão os próximos iMac’s. Entretanto a Apple continua bem alto, há uma década no pódio como marca mais admirada do mundo. Aproveito para acrescentar, marca mais cobiçada e quiçá, mais copiada.
A empresa mais admirada de 2016. Uma honra atribuída à empresa de Cupertino com base nos votos de mais de 3800 líderes de empresas, diretores, analistas e demais “mestres” da área.

Abaixo da Apple encontramos a Amazon, Starbucks, Berkshire Hathaway, Disney, além do Facebook e da Microsoft. Além de admirada, a Apple é a empresa mais valiosa do mundo graças aos espantosos lucros que continua a gerar.

   

Vê também: iPhone 7 vs Galaxy S7 – Qual é o melhor topo de gama?

Apple
Crédito: depositphotos

Esta lista da Fortune (via) seleciona as 1000 empresas com maior lucro e sede nos Estados Unidos da América. Adicionando 500 empresas internacionais com lucros iguais ou superiores aos 10 mil milhões de dólares perfeitos anualmente. Apurados os participantes a lista conta com 680 empresas espalhadas por 28 países. Em seguida são avaliadas consoante a inovação, qualidade e responsabilidade social.

Apple continua a liderar, Samsung cai para 35ª

A Apple chegou ao topo desta lista em 2007 quando lançou o gadget que revolucionou o mundo. O iPhone original colocou a empresa de Cupertino no coração dos consumidores e nas bocas do mundo.

Para comemorar os 10 anos do seu lançamento a marca poderá lançar um iPhone 8 como edição especial do iPhone 7s já em setembro deste ano. Este smartphone terá, de acordo com os últimos rumores, um ecrã de 5.15 polegadas com tecnologia OLED.

A grande rival, Samsung, ficou-se pela 35ª posição e entre as 50 empresas mais admiradas do ano. Posição que se deve em grande parte ao malfadado Samsung Galaxy Note 7. Esperemos que o Samsung Galaxy S8 venha animar este competitivo mercado dos dispositivos móveis.

Outros assuntos relevantes:

Prepara-te para conhecer os novos BQ Aquaris X e Aquaris X Pro

O Huawei P10 está cada vez mais cativante! Eis as novidades…

Preços e Cores dos Samsung Galaxy S8 e Galaxy S8 Plus

ViaFortune
FonteCNET

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).