AnTuTu confirma Helio-X20 no Meizu MX6 e outras especificações

Carlos Oliveira

O aumentar da concorrência acaba sempre por beneficiar, em última instância, o consumidor final e no campo dos processadores as coisas não são diferentes. A "guerra" entre a Snapdragon e a MediaTek vem já de há alguns anos e tem surtido uma maior influência nos produtos da empresa Taiwanesa.

Nos últimos dois/três anos a MediaTek tem vindo a fabricar novos processadores cada vez melhores e que fazem esquecer um pouco os Snapdragon. Para 2016 a MediaTek preparou o Helio-X20, um processador de 10 núcleos que provou já ser uma besta de performance, devendo aparecer em primeiro no Meizu MX6.

Depois de todos os rumores. o AnTuTu acabou por confirmar a presença do Helio-X20 no Meizu MX6 e deu-nos ainda a conhecer mais algumas especificações. Mais uma vez estas informações provêm da rede social Weibo, diretamente da página oficial da empresa responsável pelos benchmarks.

A alegada presença do Helio-X20, com um clock de 1.84GHz, no Meizu MX6 acaba por condizer com todos os rumores sabidos até agora e por isso acaba por não ser uma grande novidade. No entanto o AnTuTu foi nosso amigo e deu-nos mais algumas especificações.

É então esperado que o próximo equipamento da marca #chinaaopoder tenha um ecrã Full HD, embora ainda não se conheça o tamanho do mesmo. É ainda avançado a presença de 3GB de RAM, 32GB de memória interna, GPU Mali-T880 e ainda Android 6.0 Marshmallow.

Todas estas informações apontam efetivamente para um equipamento topo de gama e que, tal como a maioria dos equipamentos #chinaaopoder, deverá possuir uma relação qualidade/preço muito boa. Quanto a oficializações espera-se que a Meizu apresente este MX6 brevemente.

Talvez queiras ver:

  • Oppo F1 é oficial com 3GB RAM, Snapdragon 616 e câmara principal de 13MP
  • TP-Link estreia-se no mercado “mobile” com os novos Neffos C5
  • Snapdragon 820A o processador dedicado aos Automóveis
Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.