Android. Xiaomi Mi MIX 2S pode destronar os gama média a 500€

Rui Bacelar
Xiaomi Mi MIX 2S Android
Agora dotado de uma dupla câmara na sua traseira, o novo smartphone está perfeitamente equipado para enfrentar 2018.

Prestes a chegar ao fim, esta semana assistimos ao momento que daqui a alguns anos recordaremos como um ponto de viragem no mercado mobile em Portugal. Com efeito, esta semana assistimos à entrada oficial da Xiaomi em Portugal. Agora, até o topo de gama Xiaomi Mi MIX 2S será uma visão comum nas lojas físicas nacionais. Este que é o atual flagship Android da empresa chinesa.

A partir de agora é uma questão de tempo até que a marca Xiaomi se torne em algo mais do que uma simples curiosidade. Será uma questão de tempo até que seja algo mais do que uma marca chinesa com nome estranho, ainda olhada de lado. Com efeito, muito em breve será o preço dos seus terminais que começará a dar nas vistas, a partir daí gerar-se-á um efeito de bola de neve.

Vê ainda: 19 Apps gratuitas na Google Play Store para o teu Android

Abril de 2018 ficará marcado como o mês em que veríamos os primeiros passos, de forma oficial, em solo luso. Segundo fontes próximas de indústria em exclusivo à 4gnews, citariam a Ingram micro como empresa de distribuição da Xiaomi. Em suma, toda a entrada da marca se deve a esta entidade. Não foi certamente uma coincidência a entrada simultânea numa Phone House, Fnac, Worten, Radio Popular. Já para não falar em tantas outras superfícies bem conhecidas do consumidor português.

Mais ainda (e o que me traz realmente aqui a estas linhas), o preço em todas estas lojas pouco varia entre as superfícies. E se por norma associamos a Xiaomi a marca barata ou low-cost, o que poderá mudar no status quo do mercado de dispositivos móveis em Portugal? Essencialmente, tudo...

E, ao 4º mês de 2018, chega a Xiaomi a Portugal...

Neste momento a Samsung é a marca dominante no panorama nacional. Segundo os dados da AppBrain apenas a Huawei lhe faz frente com os seus "P Lite". Ora, sem duvidar o mérito da Samsung em chegar ao lugar onde hoje está, olhemos sim para o seu atual alinhamento de gama média. Mais concretamente para o Samsung Galaxy A8, com uma construção cuidada, Infinity Display e ecrã AMOLED invejável. Todavia, no seu âmago não deixa de ser um smartphone de gama média (muito bom no seu papel).

Huawei P20 Android Xiaomi Mi MIX 2S Android Oreo
Todos os esquemas de cor para o novo dispositivo móvel da fabricante chinesa.

Ora, é aqui que entra o Xiaomi Mi MIX 2S, o novo topo de gama da tecnológica chinesa, apresentado oficialmente no último dia 27 de março em Pequim, na China. Dispositivo que já começa a chegar também às lojas online com um preço competitivo em regime de pré-venda. O seu preço? Consoante a versão pretendida deste Android temos o seguinte panorama - preços para o mercado chinês.

  • 6GB RAM + 64GB ROM = aproximadamente 527$ ou aproximadamente 422
  • 6GB RAM + 128GB ROM =aproximadamente 575$ou aproximadamente 475
  • 8GB RAM + 256GB ROM (King Version) = aproximadamente 639$ou aproximadamente 522

Partindo do pressuposto que o Xiaomi Mi MIX 2S custará 520€

Imaginando que este topo de gama Android custará 520€ na sua versão base. Escalando os preços até aos 620€ em loja física nacional. Em primeiro lugar, porquê 520€? Bom, os preços acima listados são referentes ao mercado chinês.Ora, portanto é certo que será um pouco mais caro em Portugal por diversos motivos.

Posto isto, assumi 520€ como um bom ponto de partida, já totalizando a carga fiscal e a margem de lucro das lojas físicas nacionais. E aqui volto a frisar lojas físicas nacionais. Ainda que este topo de gama custe 520€. Seriam apenas mais 20€ que um Samsung Galaxy A8 (2018). Ora, estaríamos aqui a comparar um smartphone Android de gama média com um verdadeiro topo de gama Android.

Android Apple LG Xiaomi Portugal Espanha
Este é o mais recente topo de gama da fabricante chinesa, rival do iPhone X da Apple

Vejamos, para um orçamento que rondasse os 500€, o consumidor teria à sua disposição duas alternativas. De um lado uma marca com vasta tradição. Mais ainda, em que toda a gente confia (com boas razões para tal) e toda a gente conhece. Do outro temos uma marca chinesa sem qualquer nome no mercado nacional (para já) e que até o próprio nome tem uma pronuncia...estranha.

Xiaomi não tem "nome" em Portugal, Samsung é "a marca" de confiança

Este é o atual panorama. Claro, como tudo na vida nada é imutável, nem mesmo as pedras da sé de Braga. Ora, a pouco e pouco acredito que 1 em cada 10 consumidores comecem a dar uma chance a um Xiaomi Mi MIX 2S. Isto em detrimento do Samsung Galaxy A8, por exemplo.

Aqui o grande choque poderá e será certamente a interface MIUI que reveste todos os aspectos da sistema Android. Não que a Samsung Experience seja de alguma forma mais leve mas já é bem conhecida em Portugal. Todavia, isto não invalida o facto de o consumidor poder usufruir de um smartphone topo de gama. Neste caso com o processador Snapdragon 845. Este é exatamente o mesmo que encontramos numa das variantes dos Samsung Galaxy S9.

O Xiaomi Mi MIX 2S utiliza o sistema operativo Android Oreo com a MIUI

Ora, sendo o Xiaomi Mi MIX 2S dotado de especificações técnicas claramente superiores às do Samsung Galaxy A8 (2018). Aqui, a pouco e pouco o seu valor implícito começará a dar nas vistas. Veja-se ainda que neste momento o Xiaomi Mi MIX 2S é um dos smartphones com melhor pontuação na já bem conhecida DxOMark.

Xiaomi Mi MIX 2S Android Oreo 2
As câmaras são um dos maiores trunfos deste novo smartphone com Android Oreo da fabricante chinesa.

Ainda assim, acredito que possa demorar alguns anos até que o verdadeiro potencial dos produtos Xiaomi seja descoberto. Somo, por natureza, algo reticentes a algo que não conhecemos. Veja-se o esforço que por exemplo a Huawei tem feito ano após ano para roubar um quinhão de mercado à Samsung.

O que mudará no mercado Android?

Ainda assim, acredito que a seu tempo. A pouco e pouco, os produtos como o Xiaomi Mi MIX 2S possam obrigar as marcas estabelecidas a tomar uma nova postura. A repensar o seu alinhamento de gama média. Isto numa primeira fase. O mesmo pode ser dito do segmento de gama baixa do mercado Android ainda que de forma mais difusa. Já no segmento premium as marcas estabelecidas continuarão a usufruir de uma posição confortável.

Em suma. Dei por mim a pensar na possibilidade de vermos um Xiaomi Mi MIX 2S com preço semelhante a um Samsung Galaxy A8. Ambos lado a lado numa loja física. Quão surreal não parecia esta hipótese à um ou dois meses atrás?

Assuntos relevantes na 4gnews:

Huawei P20 Lite vs ASUS ZenFone 5 Lite – Android por 399€

Google Chrome com os emojis do Android, faz algum sentido?

Huawei Kirin 980 poderá ser o primeiro processador de 7nm

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.