Android TV atinge novo número histórico de utilizadores

Bruno Coelho
Comentar

O mercado de entretenimento é bastante fragmentado, já que algumas das principais fabricantes de Smart TVs optam por sistemas operativos próprios. Mas no nosso mercado, o Android TV acaba por ser o sistema operativo mais interessante, e o seu crescimento continua a provar isso mesmo.

Android TV e Google TV já têm mais de 110 milhões de utilizadores mensais ativos

Segundo noticia o 9to5Google, um porta-voz da Google terá divulgado alguns dos números mais recentes da plataforma. E foi avançado que em conjunto com o Google TV, o Android TV já tem atualmente mais de 110 milhões utilizadores mensais ativos.

É importante salientar que isto não nos diz exatamente quantos utilizadores tem a plataforma no total. Mas tenta representar o seu crescimento exponencial ao longo dos últimos meses.

Tal como é afirmado, em maio de 2021 a Google contava com 80 milhões de utilizadores ativos nestas duas plataformas. O que significa que desde essa altura existem mais 30 milhões de equipamentos ativos.

TCL, Sony, Hisense ou Xiaomi são alguns dos representantes do Android TV

Estes números podem ser explicados de várias formas. Por um lado temos as vendas de dispositivos como o Chromecast com Google TV. Mas as Smart TVs da TCL que contam com Android TV vendem mais de 10 milhões de unidades anualmente.

A Google orgulha-se de ter já mais de 250 parceiros globalmente. Estes incluem mais de 170 operadores de TV paga, e a Google trabalha ainda diretamente com algumas das maiores fabricantes de Smart TVs do mundo. Vejam-se os exemplos da TCL, Sony, Hisense ou Xiaomi.

Editores 4gnews recomendam:

  • Confirmado: estes Xiaomi vão receber a MIUI 13 Global com Android 12
  • Xiaomi apresenta nova Smart TV de 70” polegadas com preço de amigo
  • Uma bateria de 4000 mAh carregada na totalidade em 8 minutos? sim, a Xiaomi consegue
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.