AMD ultrapassa Nvidia no mercado de gráficas pela primeira vez desde 2014

Bruno Coelho
Comentar

O último relatório dos analistas de mercado da Jon Peddie Research (JPR) revela um grande feito por parte da AMD. A empresa aumentou os seus envios em 9,85% no último trimestre, conseguindo assim bater a Nvidia em quota de mercado neste período.

A AMD não ficava à frente da Nvidia há cinco anos. A última vez que tal aconteceu no terceiro trimestre de 2014. Esta quota de mercado representa envios em todo o tipo gráficas de computadores, incluindo as que estão presentes em processadores, onde a Nvidia não tem grande presença de mercado.

Quota de mercado das placas gráficas ao longo do tempo. Crédito: Jon Peddie Research

Neste período foram enviadas 76,7 milhões de unidades no total. Esta é uma descida de 8,93 milhões de unidades face ao mesmo período do ano passado, o que nos demonstra um mercado negativo num período de ano-a-ano.

Resumo rápido destes dados

  • Envios da AMD aumentaram 9.85% face ao último trimestre. Os da Intel desceram 1.44%, e os da Nvidia desceram 0.04%;
  • O mercado de PCs cresceu 9.25% face ao último trimestre, e 3.07% face ao mesmo período do ano passado.

Neste período a Nvidia lançou as suas gráficas Super. Tendo em conta que os seus envios não subiram, pode considerar-se que a adesão a esta nova linha não terá sido a esperada por parte da fabricante.

A Nvidia gosta de estar à frente da AMD, portanto estes números só podem ser boas notícias para o consumidor. Com a Nvidia a querer voltar à dianteira desta “guerra”, só podemos esperar maior competência nos seus produtos vindouros.

Editores 4gnews recomendam:

  • Asus Radeon 5700: novas placas gráficas já estão à venda em Portugal
  • AMD lança gráficas Radeon RX 5700 e RX 5700 XT para derrubar a Nvidia
  • Conhece as 10 placas gráficas mais potentes em 2019
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.