Amazon prepara uma alternativa ao Google Stadia com um grande trunfo para os streamers

Carlos Oliveira
Comentar

De acordo com o que está a ser avançado pela CNET, a gigante Amazon prepara-se para lançar, em 2020, o seu serviço gaming em streaming. Mas o seu principal trunfo será a integração com a plataforma Twitch.

Se és um avido seguidor do mundo gaming já sabes qual a importância do Twitch. No entanto, se é a primeira vez que ouves falar neste serviço, importa referir que esta é a plataforma eleita dos gamers para mostrar ao mundo e em direto os seus gameplays. Pensa no Twitch como o Youtube do gaming.

Sendo a Amazon a dona do Twitch, não será difícil para a tecnológica incorporar a plataforma no seu vindouro serviço de gaming na cloud. Assim será muito mais simples fazer streaming dos teus jogos para uma plataforma que reúne já milhões de utilizadores.

Amazon está em processo de recrutamento para o desenvolvimento deste serviço

Na origem destas informações está um anúncio de trabalho publicado pela Amazon. A tecnológica norte-americana está à procura de alguém para integrar uma "nova iniciativa" relacionada com os seus serviços na web.

Fontes familiarizadas com o assunto contaram à CNET que esta iniciativa está relacionada com gaming na cloud. Ademais, foi referido que este serviço está planeado para chegar aos utilizadores já no próximo ano.

Esta não será a primeira incursão da Amazon no mercado do gaming na cloud

Foi em 2014 que a Amazon lançou o seu primeiro jogo baseado na cloud. O jogo consiste em usar uma besta gigante para derrubar os inimigos que nos são colocados à frente. O jogo corre nos tablets Amazon Fire, mas o processamento dos inimigos é todo realizado em servidores remotos.

Assim sendo, podemos dizer que a Amazon já possui algum conhecimento da tecnologia inerente a um serviço de gaming em streaming. O sucesso deste novo serviço irá certamente depender dos preços praticados, das plataformas disponíveis e da panóplia de jogos oferecidos.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.