google-pixel

Longínquo vai já o tempo em que os equipamentos Nexus eram sinónimo de qualidade a baixo custo. Desde o lançamento do Nexus 6 que a Google começou a puxar cada vez mais os preços de venda dos seus equipamentos para cima, uma escalada que parece não ter fim, aliás à semelhança do que tem vindo a suceder em todo o mercado mobile.

Vê também: Renders do novo Google Pixel Phone levantam novas dúvidas

   

Nessa linha, rumores anteriores referiam que o novo Google Pixel XL, o modelo mais abastado do duo a ser introduzido este ano, iria ter um preço de venda a rondar os 650€. Contudo as notícias mais recentes dizem que afinal de contas será o Google Pixel que possuirá tal etiqueta no seu modelo mais básico.

google-pixel-xl-1

Quem o avança é o Android Police, uma fonte que se tem revelado bastante credível no que aos novos Google Pixel e Pixel XL respeita.

A confirmarem-se estas informações, significa que o Google Pixel XL poderá ver o seu preço disparar para a casa dos 700€. Atenção que isto é tudo baseado na conversão direta de dólares para euros e se a história se voltar a repetir, Portugal praticará preços bem mais elevados que os aqui referidos.


Isso levaria estes equipamentos para uma concorrência, a nível de preços, bem mais elevada, colocando-os lado-a-lado com equipamentos como o novo iPhone 7 ou os Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge. Nesse caso, o que poderão possuir estes novos Google Pixel e Google Pixel XL que justificassem a sua compra face a tão poderosa concorrência?

Tudo isto não passam de rumores e como tal teremos de esperar que o deixem de ser, provavelmente no próximo dia 4 de outubro, para podermos responder a tais questões.

Talvez queiras ver:

Google Pixel apanhado na Geekbench com 4GB de RAM e Android 7.1 Nougat

Google Allo ficará disponível esta semana

Xiaomi Mi Note 2 Pro deverá possuir uma variante com 8GB de RAM

Fonteandroid police
O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.