Hiroki-Totoki SonyDurante uma entrevista para o Arabian Business, o CEO e presidente da Sony Mobile, Hiroki Totoki, fez uma afirmação algo surpreendente ao dizer que “nunca venderemos ou sairemos do mercado mobile“.

Apesar de já poucas pessoas acreditarem nessa possibilidade, há alguns meses atrás foram surgindo rumores sobre a possibilidade da Sony vender o seu ramo Mobile, surgiram algumas “afirmações” nesse sentido, algumas frases do CEO da Sony, Kazuo Hirai, que foram literalmente entretendo os meios de comunicação desde Fevereiro. Ao dizer que não descartava a hipótese de uma saída estratégica deste mercado, acabou por lançar as sementes de um sem fim de rumores e contradições.

Desde então que a incerteza tem reinado entre os fãs da marca e os próprios meios de comunicação. Até a agência Reuters admitiu que a Sony fez várias declarações com sentido ambíguo relativamente aos planos para o seu sector Mobile, pois bem, desta vez o CEO e presidente da Sony Mobile referiu-se directamente ao assunto e veio por fim a qualquer dúvida que ainda pudesse persistir.

   

De acordo com o senhor Hiroki Totoki, toda esta especulação em torno da possível saída da marca do mercado dos smartphones e  dispositivos móveis foi baseada nas perdas astronómicas que a Sony registou em 2014, números que equivaleram ao investido em 2012 quando a Sony comprou as acções da Ericsson e se lançou sozinha neste mercado.

Sem qualquer problema de liquidez, toda esta especulação se justificou também com a venda do seu sector de produção de computadores, a linha Vaio. No entanto, o mercado de smartphones parece ser muito mais importante para a Sony do que o segmento de PC’s. De acordo com o senhor Totoki, os smartphones estão muito mais interligados com a vida moderna e por isso a marca pretende manter-se no topo do mercado, apesar da concorrência severa.

Relacionado: Sony Xperia Z5 em Setembro com SoC Snapdragon 820, 4GB de RAM e 4500 mAh de bateria

Relativamente às áreas mais importantes no que concerne à experiência num smartphone, o CEO da Sony Mobile disse que os consumidores dão muita importância à câmera, ao ecrã e à qualidade de áudio, todas as áreas em que a Sony está a tentar melhorar ao desenvolver novas tecnologias. Contudo, aquilo que o CEO referiu como um exemplo a seguir foram os sensores fotográficos que têm equipado vários dos principais smartphones e cujos resultados continuam a surpreender.

Por último, Hiroki Totoki disse que a restruturação completa da Sony Mobile estará completa em 2015 e espera que já em 2016, os lucros começarão a surgir. Será que o Sony Xperia Z5 vai surpreender?
Talvez queiras ver:

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).