A Amazon também terá um serviço de streaming musical

Pedro Henrique

Apple-Music-Spotify-GPM

A Amazon é uma potencia em tudo que diz respeito a serviços online e, esta semana, anunciou que entrará na corrida dos serviços de streaming de conteúdo musical.

Depois do Spotify - que agarrou o primeiro lugar, como o mais usado - e da Apple Music - que é a concorrente direta do primeiro, desenvolvida pela Apple, mas que ainda tem umas arestas por limar -, é a vez da Amazon.

Contudo, há dois aspetos a reter. O primeiro é que, à partida, os clientes Amazon que têm conta Prime - no serviço de compra e venda da mesma - usufruirão da possibilidade de ouvirem a música que pretenderem de modo ilimitado até 1 milhão de faixas. Em segundo lugar, o preço - deverá manter-se o mesmo dos concorrentes, ou seja, por 9,99€ mensalmente, pelo que não haverá neste aspeto grande diferença.

Assim, há que esperar um pouco mais para saber como será exatamente este serviço, que preço e quais as vantagens que terá e, por último, quando estará disponível que, ao que tudo indica será no final do verão.

Talvez queiras ver:

Pedro Henrique
Pedro Henrique
Fã incondicional de tecnologia e cultura quer partilhar o conhecimento adquirido com todos.