5 razões para não comprar os novos Google Pixel 2 e Pixel 2 XL

Bruno Coelho
Google Pixel 2 e Google Pixel 2 XL
Espreita neste artigo cinco razões para não comprares os novos Google Pixel 2 e Pixel 2 XL

Agora que novos Google Pixel 2 e Pixel 2 XL deram a cara, chega a hora em que os entusiastas tecnológicos de Android pensam se devem ou não comprar os novos smartphones da Google.

Neste artigo pretendo apresentar-te cinco razões para não comprares os novos smartphones da gigante americana, focando-me em pontos mais ou menos subjetivos/objetivos.

Vê ainda: Huawei Mate 10 Pro tem novo leak – é tudo uma questão de cor!

1. Não está à venda em Portugal

Os novos Pixel 2 estão em pré-venda a partir de hoje. Mas se estás a ler isto em Portugal ou no Brasil, não se aplica a ti. Mais uma vez ficamos fora do mapa Google que, para já, contempla apenas sete países. Por isso, se ficaste interessado em comprar este smartphone, vais ter de procurar outras opções que não o mercado nacional.

2. Não tem entrada para headphone jack

Para muita gente este ainda é um problema. Se usas headphones bluetooth como eu, estás descansado, até pelas funcionalidades do Bluetooth 5.0. No entanto, grande parte dos utilizadores dá primazia a esta entrada e é algo que se encontra em flagships da concorrência. Logo, para algumas pessoas pode ser um deal break.

3. Não tem carregamento sem fios

A falta de uma entrada 3.5mm e de carregamento sem fios são dois pontos bastante negativos dos novos Google Pixel 2

Tendo em conta que toda a concorrência oferece este sistema que muitos utilizadores apreciam, é mais um ponto em que este terminal fica a perder. A comodidade do wireless charging é algo que, quando se tem, não se consegue voltar a perder, e era mais que tempo de a Google apostar nisso. No entanto, a construção do smartphone teria de mudar para vidro ou cerâmica.

4. Não tem gravação de vídeo 4K a 60fps

Tendo em conta a fasquia tão elevada colocada na câmara destes terminais, com grande foco na apresentação e 98 de rating nos testes da DxOMark, é de lamentar esta pequena falha.

Numa altura em que todos os novos iPhone te permitem gravação de vídeo 4K a 60fps, não poder fazer isso nos novos Pixel 2 deixa um sabor amargo a qualquer possível comprador amante de vídeo.

5. O design não me enche as medidas

Provavelmente o ponto mais subjetivo de todos é este. Nesta faixa de preço, mais que em qualquer outra, os olhos também comem. E para além de eu não ter ficado fã da parte frontal deste novo gigante Android – e acho meio que absurdo um dos modelos ser 18:9 e o outro não, também não gostei do resto do design.

Sou fã de um design mais sóbrio e menos wild que provavelmente concordarás comigo, estes Pixel possuem. Contudo, o que para mim é feio, para ti pode ser bonito.

Google Pixel 2 Apple iPhone X
Este é o novo Pixel da Google, um Android que dará que falar.

Agora que te apresentei os cinco pontos que considero serem os mais débeis no novo smartphone da Google, diz-nos nos comentários se concordas, discordas e quais acrescentarias ou retirarias nestes.

E já sabes! Daqui a algumas horas terás também a lista das 5 razões para comprar os novos Google Pixel e Pixel 2 que preparamos para ti. Afinal, este é o smartphone da Google e, como é óbvio, tem as suas benesses.

Por isso, fica atento(a) às notícias que se seguirem aqui, em 4gnews.pt, para que não percas essa pequena lista que exibe o outro lado da mesma moeda e claro, qualquer conteúdo obrigatório num universo onde a tecnologia é falada em português.

Outros assuntos relevantes:

Twitter esteve para ser adquirido pela Disney em 2016

ASUS Zenfone – Quando e a quem chega o update para Android Oreo?

Xiaomi Mi Mix 2 vai chegar à Índia de forma oficial a 10 de Outubro

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.