UE multa novamente Google: práticas abusivas de ‘publicidade’ são a causa

Bruno Coelho

A ‘luta’ entre a Comissão Europeia e a Google continua. A gigante de Mountain View foi novamente multada, desta vez em 1.49 mil milhões de euros. A razão para tal sanção é algo que a que a Concorrência europeia chama de “práticas abusivas em publicidade online”.

A brincadeira começa a ficar cara à Google. A nova sanção aparece após as multas de 5 mil milhões e outra de 2.4 mil milhões de dólares, em 2018 e 2017, respetivamente. A comissária europeia para a Concorrência, Margrethe Vestager, afirma que a Google se “blindou a si mesma com a pressão da competição”.

UE multa novamente Google: práticas abusivas de ‘publicidade’ são a causa

A empresa de Mountain View impôs exclusividades contratuais aos anunciantes por um período de 10 anos. A empresa procedeu a tal prática, maioritariamente através do seu serviço AdSense. Este dominou os anúncios online a nível europeu em mais de 70% durante 10 anos.

A verdade é que esta multa já era esperada. A UE afirma que esta chega porque foram atingidos os 10 anos de domínio nos anúncios. “Temos em conta a duração e gravidade da infração”, começa a Comissão por dizer em comunicado. “A multa foi calculada, tendo em conta o valor das receitas de publicidade online da Google”, conclui a UE.

UE multa novamente Google: práticas abusivas de ‘publicidade’ são a causa
Margrethe Vestager

Em 2006, a Google começou a incluir cláusulas de exclusividade com websites e anunciantes. Ou seja, os editores eram proibidos de ter anúncios de competidores da gigante de Mountain View. As regras mudaram ligeiramente em 2009, mas a Google continuou a controlar o que era ou não 'anunciado'.

Google não deve 'abusar do seu poder', diz Comissão Europeia

A Comissão Europeia clarifica que “dominar o mercado” não é ilegal. Contudo, as empresas dominantes devem ter a responsabilidade de não abusar do poder para restringir a competição. Antes deste anúncio, a Google disse que o Android irá começar a perguntar que browser os utilizadores querem usar.

UE multa novamente Google: práticas abusivas de ‘publicidade’ são a causa

A UE diz que a Google tinha uma quota de mercado de mais de 90% no que diz respeito a pesquisa entre 2006 e 2016. A comissária Vestager diz que tal podia ser pior, já que os números desceram para 60% em 2018. Tendo em conta que as eleições para a UE se aproximam, esta pode também ser vista como uma questão política.

Editores 4gnews recomendam:

Fonte

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.