Reino Unido pagará 2.5 milhões de dólares por tecnologia anti-drone

António Guimarães

O Ministério da Defesa do Reino Unido decidiu lançar um concurso com o objetivo de prevenir drones de voar em espaços restritos. O concurso terá um prémio de 2.5 milhões de dólares para quem trouxer ideias inovadoras.

Esta iniciativa teve lugar depois de um incidente em 2018 onde vários drones foram vistos no aeroporto de Gatwick. O aeroporto foi forçado a suspender operações durante 36 horas.

drone

Assim sendo, o Ministério de Defesa integrou este concurso como parte do seu programa de inovação. Participantes são convidados a pensar em formas de detectar ameaças aéreas.

Reino Unido não quer mais problemas com drones não-autorizados

É importante salientar que o problema aqui não são os drones mas o seu manuseamento não-autorizado. Sem regulamentos, qualquer um pode pegar num drone e fazê-lo voar até áreas restritas ou propriedades privadas, filmando tudo no processo.

Este concurso convida os participantes a apresentar ideias para detectar possíveis ameaças pelos sistemas aéreos não tripulados. Isto pode ir desde um simples quadricóptero de nível de consumidor até sistemas mais sofisticados.

A verdade é que já há muito que se especula que os drones possam ser utilizados para fins mais nefastos no futuro. Um aparelho leve e voador controlado remotamente oferece muitas possibilidades a criminosos e terroristas.

drone

Apesar de haverem leis que possam proibir voos não autorizados, não há muito que esteja a ser feito para a lei seja cumprida. Nesse sentido, o Ministério de Defesa do Reino Unido pretende tomar uma abordagem mais direta.

Para já ainda não se sabe de possíveis ideias mas algumas podem ser sistemas de interferência para desactivar os drones. Outros tipos de sistemas benignos podem ser implementados sem ser necessária a destruição do drone.

Seja como for, estamos a testemunhar uma nova era de tecnologia onde os governos tem de alterar a forma como olham para a tecnologia. Ela existe para nos servir mas existirão sempre indivíduos mal intencionados.

Editores 4gnews recomendam:

Fonte

António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.